O FUTURO DA BIBLIOTECA: Por Bibliotecários de MIT (Massachusetts Institute of Technology)

mit-libraries-logo-bg-black-1200-1200

 

Os bibliotecários do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) realizou uma conferência, refletindo ao longo dos vários desafios que as bibliotecas enfrentam neste século. Ao contrário do que se poderia pensar, há uma versão pessimista do futuro das bibliotecas. Uma vez que eles ainda têm um papel de destaque na sociedade em que estão localizados. O objetivo da biblioteca é baseado em “poupar o tempo do usuário , ” algo que pode parecer dissolvido quando todo mundo usa uma conexão com a internet no seu bolso. No entanto, o acesso imediato que também tem de ser alimentada.

No caso do MIT, quando a descoberta das ondas gravitacionais foi anunciado, os servidores da biblioteca deve ser reforçada, enquanto que um site foi habilitado com materiais de apoio para os meios de comunicação e os cidadãos comuns podiam consultar com profundidade que tema.

Portanto, se acreditamos que após a digitalização da biblioteca, tal como é concebido, está terminado. As possibilidades são que erro, porque não podemos esquecer que a biblioteca como uma entidade foi adaptado ao longo dos séculos sempre tentando ficar como o lugar onde as pessoas e informações interagir.

Nem a sociedade nem as informações são entidades estáticas. Elas evoluem ao longo do tempo em resposta aos desenvolvimentos próprio site. Assim, durante a sua existência, bibliotecas acolheu tabletes de argila para rolos de papiro, pergaminho códices e até mesmo novas formas de transmissão de informação, como foram os CDs. A sociedade também evoluiu graças à luta contra o analfabetismo e escolaridade obrigatória para universidades alejasen sua elitista para se tornar caráter mais inclusivo, a hábitos de leitura para evoluir, pois a comunicação foi transformado para se ajustar ao ambiente eletrônico.

E, apesar disso, um dos maiores problemas enfrentados bibliotecas de hoje é a preservação de objectos digitais, devido à sua obsolescência. No entanto, você também deve ter em mente que nem tudo não vai ser capaz de ser digitalizado, razão pela qual os profissionais não devem esquecer que a informação também deve dedicar recursos para materiais impressos. O que para armazenar e quais não, o que deve ser restaurado e como, tentando ser o mais respeitoso dos materiais e é ambientalmente sustentável.

Além disso, nem todos os ramos do conhecimento estão focados nos mesmos materiais.Por exemplo, a ciência muitas vezes preferem radiodifusão digital, as artes, enquanto ainda preferem materiais impressos. É preciso também considerar que alguns documentos, como no caso de periódicos, finalmente, ocupam muito espaço e pesa muito, o que faz ressentir ambas as estruturas de construção como o fundamento.

Outro problema é transmitir recursos digitais que podem vir a possuir uma biblioteca.Embora coleções digitais pode ser imenso, não pode ser exibido e como ele é transmitido para o usuário e como para representar a profundidade do conhecimento também é importante.

Por o outro lado, os edifícios tornam-se locais centros comunitários, intercâmbio e encontro cultural. Eles devem ser lugares onde as pessoas querem para gastar um monte de tempo. Não é crescente necessidade de criar pequenos espaços de colaboração, onde o debate, sem esquecer que continua a ser um refúgio para os alunos, onde eles buscam a paz e tranquilidade que não são encontrados em outros espaços. Embora a figura do bibliotecário mal-humorado que comanda o silêncio é um pouco ofensivo, ainda é necessário e apenas o que alguns usuários precisam.

 

Reportagem traduzida site: http://www.documentalistaenredado.net/1278/el-futuro-de-la-biblioteca-segun-los-bibliotecarios-del-mit/?utm_content=buffere69dc&utm_medium=social&utm_source=facebook.com&utm_campaign=buffer em 20.05.2016 às 12:24 pm
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s